A quarta edição da Nuntiare de 2008 trouxe o trânsito do município de Ponta Grossa como tema, com reportagens intituladas “Fios soltos em uma malha esgarçada”, “Motoristas e pedestres: trapalhões e atrapalhados”, “O stress de cada dia, cada rua, cada esquina...” e outras que tratam do caos e de outros fatores no trânsito da cidade.

A revista traz uma sequência de reportagens como: a falta de planejamento das vias, a infraestrutura de ruas centrais do município, as relações humanas que se desenvolvem nesses espaços e como o trânsito e as ruas da cidade afetam o dia-a-dia de quem circula por elas.

Dez anos depois, nesta 4° edição de 2018, a Nuntiare debate a ocupação do espaço e de diferentes tipos de fluxos na região. Com o título “Os fluxos dos Campos Gerais: Como a cidade-encruzilhada concentra diferentes trajetos”, a reportagem que abre o Dossiê Fluxos foca em questões históricas das relações da movimentação no território com o desenvolvimento do município e região.

Além da contextualização histórica das vias de Ponta Grossa, a versão publicada aqui na Nuntiare online apresenta uma entrevista exclusiva com Joel Larocca Junior, Engenheiro e Arquiteto e Urbanista, pesquisador de Planejamento Urbano, Habitação de interesse social e Custos de Urbanização que explica a constituição dos caminhos da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *